31 | agosto

Plaenge é a maior e melhor construtora do Sul do Brasil

Plaenge-2018-AnuncioValor1000-202x266mm-Blog

A Plaenge foi classificada como a maior e melhor construtora do Sul do Brasil pelo ranking Valor 1000, produzido anualmente pelo jornal Valor Econômico, o mais importante veículo da área econômica do País. Este é o quinto ano consecutivo em que a construtora atinge a posição de mais importante companhia de construção da região Sul. A empresa integra também o seleto grupo das dez melhores construtoras do Brasil e, entre os critérios financeiros, é a quinta com maior rentabilidade e liquidez corrente do País.

“Estar no ranking das maiores e melhores é um reflexo da gestão conservadora e da visão de longo prazo que permitem uma empresa capitalizada para novas oportunidades”, afirmou Alexandre Fabian, diretor da Plaenge.

A construtora prevê o lançamento de R$ 819 milhões em 2018. Fabian adianta que a empresa já lançou seis empreendimentos neste ano, cinco deles no Brasil e um no Chile, onde atua desde 2009 e registrou crescimento de 70% no primeiro semestre de 2018.

Presente em sete cidades brasileiras, a Plaenge fechou o primeiro semestre deste ano com um aumento de 17% no volume de vendas em relação ao mesmo período de 2017. “O planejamento de longo prazo e a empresa capitalizada nos permitem manter os investimentos e aproveitar o bom momento do mercado para sermos os primeiros a lançar novos produtos”, destaca Fabian.

O ano de 2018 marca também a chegada da Plaenge a Campinas, principal cidade do interior de São Paulo, onde a construtora prepara o lançamento de seu primeiro empreendimento.


Melhores e Maiores

A construtora também foi classificada entre as mil maiores empresas brasileiras em todos os segmentos pelo ranking Melhores e Maiores 2018, publicado pela revista Exame. Em Londrina, apenas sete empresas figuram no ranking e a Plaenge é o único do segmento de construção imobiliária.


Sobre a Plaenge

Fundado há 48 anos em Londrina, o Grupo Plaenge atua em sete cidades localizadas em cinco estados brasileiros e também no Chile. A empresa já entregou 375 torres que totalizam 25.933 unidades onde moram mais de 85 mil pessoas.

___________

Texto: Carolina Avansini | Assessoria de Imprensa