05 | junho

Gerente da Plaenge aborda a importância do bom relacionamento em evento sobre profissões

“A tecnologia e a inovação vão mudar muito a nossa vida, e para a melhor. A Internet das Coisas e a Inteligência Artificial estão cada vez mais presentes em nosso dia a dia. E o que podemos tirar de proveito disso? Termos mais tempo para nós e para as pessoas”. Destacando a importância da inovação aliada à inteligência emocional, Olavo Batista, gerente regional da Plaenge em Londrina, participou da abertura da mesa redonda “Espaços Inovadores frente às Competências Globais”, com a participação de profissionais de diversas áreas do conhecimento.

O encontro encerrou a semana “UniProfissões 2019”, realizada pelo Colégio Universitário, que este ano celebra seu 50º aniversário. A construtora foi a patrocinadora do evento e, ao final do encontro, recepcionou os convidados na Central de Apartamentos Decorados com um coquetel servido pelo Buffet Planalto (confira todas as fotos).

61852242_2230217107075874_672929600422019072_o

Olavo Batista, Gerente Regional da Plaenge em Londrina

Olavo cumprimentou representantes da instituição por sua atuação durante as últimas cinco décadas ajudando a promover uma educação de qualidade em Londrina e também os parabenizou pela realização do evento UniProfissiões, que há quase três décadas tem auxiliado os alunos na escolha do curso e da universidade. “Tenho certeza que muitos alunos irão trabalhar em profissões ou postos de trabalho que ainda não existem e que serão criados em função deste avanço tecnológico alucinante que estamos vivendo”, pontuou o gerente da Plaenge, frisando a importância de um evento dessa magnitude com o objetivo de demonstrar que existem múltiplas possibilidades de atuação no mercado.

E para esse cenário repleto de inovação, que para muitos parece caótico, mas que para os nativos digitais é “normal”, Olavo recomendou atenção em algo muito importante: relacionamento. “Precisamos olhar mais para as pessoas, ter sensações reais e não somente virtuais”, sugeriu. No ambiente de trabalho, o gerente da Plaenge observou que o Q.I. (Inteligência “técnica” – Hard Skills) é importante, contudo é fundamental que os profissionais trabalhem o seu Q.E. (inteligência emocional) e utilizem as “Soft Skills”. “A empatia, o trabalho em equipe, a criação de vínculos, saber administrar conflitos, a transparência e a ética são alguns exemplos de habilidades que temos que nos apoderar”, citou.

IMG-20190604-WA0031

E foi esse o tom que os convidados da mesa redonda também deram ao encontro: a importância da educação, da inovação, do propósito, da paixão em executar sua profissão, do apoio ao próximo. Como exemplo, Ivan Gláucio Paulino Lima, biólogo formado pela UEL e hoje profissional da NASA. “Sempre tive paixão por astronomia”, revelou Ivan, lembrando que ao longo da carreira acadêmica teve a oportunidade de conhecer a Astrobiologia e se aproximar de profissionais da Nasa. “Às vezes em uma área de atuação não conseguimos traçar toda a trajetória profissional. Ela vai se formando aos poucos”, frisou.

Para João Cunha, diretor geral do SAS Plataforma de Educação, é importante ter disciplina e foco nos estudos e buscar algo que goste de fazer. “E a educação amplia as possibilidades”, reforçou. Também apaixonado pela educação, Ulisses Borges Cardinot (Fundador e CEO da International School Education) falou sobre a importância de ter um propósito e trabalhar a educação socioemocional. “O momento (agora) do aluno é pensar no que vai deixá-lo feliz”, destacou para a plateia de pais e alunos do Universitário.

61775678_2743190512420901_1286465528331763712_o

61704395_2743189092421043_5169056173676036096_o

Participaram ainda da mesa redonda Oswaldo Barbosa Loureda (Engenheiro pós-doutor e professor da UNILA), Jackson Paul Matsuura (Engenheiro pós-doutro e chefe de departamento do ITA) e Marcos Wesley (Fundador e CEO da Lego Zoom Education For Life e sócio fundador da Lego Zoom Education International) que conversaram com os convidados sobre suas experiências de vida e profissional. O encontro foi mediado pelo professor Leandro Bento.

___________

Texto: Erika Zanon | Assessoria de Imprensa